Peças conferem estilo e identidade aos ambientes da mostra Casa Cor SC em Florianópolis

O design é um dos destaques nos ambientes da edição 2013 do evento

Carol Macário
Carol Macário


Florianópolis

Sidney Kair / Divulgação /ND
Inspiração nas linhas orgânicas na composição de ambientes como o Estar Lounge, da arquiteta Cristiane Passing

 

O design está em alta na edição deste ano da Casa Cor Santa Catarina. Estimulados também pelo tema da mostra em 2013, “Design, Arte e Artesanato personalizando a sua casa”, os arquitetos apostaram em peças com conceito, muitas delas criadas por designers premiados, e conferiram identidade e sofisticação aos ambientes.

Logo na entrada, a Galeria Deca & Estar Urbano, dos arquitetos Moacir Schmitt Júnior e Salvio Moraes Júnior, o design aparece em diferentes detalhes: do sofá da marca italiana Natuzzi, lançamento no Brasil, até luminárias divertidas e ao mesmo tempo sofisticadas e poltronas que vão do clássico ao dramático – como a Cadeira Fantasma, que tem um uma sobra de tecido nos lados.

“O produto de design não pode ser apenas bonito, mas deve também integrar-se ao ambiente. Tem que somar, não ser a única estrela”, afirma Salvio Moraes Júnior. Ele chama atenção também para as obras de arte que aparecem dentro do design – no ambiente criado por ele e o sócio, elas aparecem na linguagem de esculturas ou de grandes telas.

No Lounge da Moda, as arquitetas Lilian P. Dutra e Larissa Dutra, mãe e filha, criaram um espaço altamente conceitual, combinando ideia de urbanidade com tendências em cores e formas para o próximo ano. O Lounge explora as formas geométricas no design, tanto nas estantes desenhadas por Lilian quanto na estampa xadrez de poltronas, as bolas em preto e branco em bancos e também o quadriculado no balcão. O rebaixamento em gesso no teto também brinca com a forma do quadrado. “Usamos a linguagem urbana. Tem o chão de cimento queimado e essa coisa do caos, da anarquia da urbanidade”, afirma Lilian, cuja marca registrada de seu trabalho é o fato dela mesma ser a designer das peças de seus ambientes.

 

As curvas de Niemeyer

As curvas que o maior arquiteto do Brasil, Oscar Niemeyer (1907 – 2012) tanto explorou em suas obras de arte ao ar livre parece ter inspirado alguns arquitetos da Casa Cor Santa Catarina 2013. Ainda que coincidentemente, as curvas ou linhas orgânicas, como alguns preferem dizer, aparecem de diferentes maneiras nos ambientes da mostra. No Estar Lounge, por exemplo, assinado por Cristiane Passing, ela aparece numa inusitada prateleira em “S”, que da parede se une a um detalhe no teto, ao redor do lustre. Aparece também numa interessante escultura do designer Antonio Bernardo. Trata-se de uma peça suspensa no teto formada por vários anéis de prata.

Já no Loft do Marchand, dos arquitetos Beto Gebara e Marila Filártiga e da galerista e consultora de arte Helena Neckel, a curva aparece na mesa de centro da sala, bem como numa obra de arte da parede. Detalhe modernista interessante são duas poltronas criadas pelo arquiteto, urbanista e pintor francês Le Corbusier (1887 – 1965), considerado, junto com Niemeyer, um dos arquitetos mais importantes do século 20. “Não foi inspirado em Niemeyer, mas é uma coincidência”, afirma o arquiteto Beto Gebara.

A Casa Cor segue até o dia 30 de junho, simultaneamente em Florianópolis e em Itajaí.

Serviço

O quê: Casa Cor Santa Catarina – Florianópolis
Quando: Até 30/6, terça a sexta, 15h às 21h30. Sábado, domingo e feriados, 12h30 às 21h30. Special sale de 27 a 30/6
Onde: Simphonia WOA Beiramar, av. Beira-Mar Norte, 3.974, Agronômica, Florianópolis
Quanto: R$ 28 (meia R$ 14) entrada única (válida para as duas cidades), ou R$ 56 passaporte para todo o período

O quê: Casa Cor Santa Catarina – Itajaí
Quando: Até 30/6, terça a domingo, 15h às 21h30. Special sale de 27 a 30/6
Onde: Riviera Concept, rod. Osvaldo Reis, 3385, Praia Brava, Itajaí
Quanto: R$ 28 (meia R$ 14) entrada única (válida para as duas cidades), ou R$ 56 passaporte para todo o período

Publicado em 20/05/13-09:52


Matérias relacionadas