3º Festival de Bandas e Fanfarras de Joinville ocorre no domingo (16), no Sesc

Festival reunirá mais de 700 alunos de 15 bandas e fanfarras de Joinville

Rosana Rosar
Rosana Rosar


Joinville

Luciano Moraes/ND
Dedicação. Integrantes da Escola Estadual Arnaldo Moreira Douat

 

A banda ou fanfarra que tiver a maior pontuação no 3º Fanfarrão – Festival de Bandas e Fanfarras de Joinville representará o município numa disputa regional que ocorrerá em dezembro em São Francisco do Sul. O festival, realizado no domingo (16) no ginásio poliesportivo do Sesc, no bairro América, reunirá mais de 700 alunos de 15 bandas e fanfarras de Joinville; quatro grupos convidados de Blumenau e São Francisco do Sul; e os integrantes das bandas do 62º Batalhão de Infantaria e do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville.

Para avaliar os quatro quesitos – banda, mor, corpo coreográfico e linha de frente – que assegurarão a vaga do melhor grupo na etapa regional a Acbf (Associação Cultural de Bandas e Fanfarras de Joinville) observará todas as apresentações no próximo domingo. A Banda de Percussão Marcial da Escola Paul Harris, do São Marcos, leva seus 45 participantes para o evento e também se prepara para o Campeonato Nacional de Fanfarras, que ocorre em dezembro em Taubaté. Desde que foi fundada, em 2008, a banda acumula dezenas de vitórias em festivais estaduais.

Pedro Henrique Franco, 12 anos, que participa do grupo desde o final de 2008, e esteve em Sorocaba (SP), em 2010, na conquista do primeiro lugar nacional na categoria mor está ansioso para as competições. “Estou esperando que a gente dê o melhor de nós para fazer boas apresentações”, comenta sob o olhar da mãe coruja Carmen Franco, 41, auxiliar administrativo. Segundo ela, desde que entrou no grupo Pedro alterou positivamente seu desempenho escolar e a rotina da família. “Ele viu os ensaios e gostou, depois foi feito um teste, ele passou e agora não tem mais quem tire”, conta.

Em parceria com mães como ela, a dona de casa Juliana Pesqui, 27, e Rosimeri Mendes, 39, supervisora de vendas, e o maestro Dilson Rogério Martins, presidente da Acbf, idealiza e organiza eventos para arrecadar recursos para que os estudantes do grupo, que ensaiam três vezes por semana participem das competições. “Eu tenho que fazer um agradecimento principalmente aos pais porque são eles que mantêm essa banda viva”, completa Dilson. Segundo ele, para o aperfeiçoamento do grupo a escola oferece aulas de percussão e instrumentos melódicos, abertas a comunidade, desde o início do ano. Quem quiser se inscrever nos cursos deve ligar no 3438-6058.

 

Nível técnico    

Segundo o coordenador do festival Alexandre Marques de Jesus, maestro regente das escolas estaduais Arnaldo Moreira Douat e Elpídio Barbosa, no Costa e Silva, e Annes Gualberto, no Iririú, a indicação de um nome para a etapa regional foi criada para incentivar as escolas a investirem no nível técnico das fanfarras. “Nossa intenção é sempre fazer com que os corpos técnicos se desenvolvam, que troquem experiências e que as escolas se motivem para manter as bandas vivas e ativas”, avalia. Da Escola Arnaldo Moreira Douat, que tem 35 participantes na banda marcial, ele levará os 25 melhores nomes para a apresentação de domingo. “Essa escola tem fanfarra desde 1979, mas estamos fazendo uma reformulação para que se transforme numa banda marcial de fato. Antes a banda só fazia ensaios para desfiles, agora tem três ensaios semanais”, completa Alexandre.

Segundo ele, o campeonato sul brasileiro de bandas e fanfarras, que estava previsto para ser realizado em Joinville nesse mês, foi adiado para o próximo ano, ainda sem data, por causa da reforma no Centreventos Cau Hansen.

 

Serviço

O quê: 3º Fanfarrão – Festival de Bandas e Fanfarras de Joinville

Quando: domingo (16), das 14h às 20h

Onde: no Ginásio Poliesportivo do Sesc, na rua Itaiópolis, 470, América

Quanto: gratuito, mas a organização pede que os participantes levem um quilo de alimento

 

 

Ordem das apresentações

14h – Abertura com a banda do 62º Batalhão de Infantaria de Joinville

Banda do Corpo de Bombeiros Voluntários de Joinville

Fanfarra Zulma Maria do Rosário

Fanfarra Pedro Ivo Campos

Fanfarra Dom Bosco

Fanfarra Castello Branco

Fanfarra Guilherme Zuege

Fanfarra Tufi Dippe

Fanfarra Maestro Francisco Manuel da Silva

Fanfarra Giovane Pasqualini Faraco

Fanfarra Padre José Maurício (Fajoma), de Blumenau

Fanfarra Virgínia Soares

Fanfarra Casfs (Colégio Adventista São Francisco do Sul)

Banda Marcial Arnaldo Moreira Douat

Fanfarra Dom Gregório Warmeling (Dragões do Mar), de Balneário Barra do Sul

Fanfarra José Antônio Navarro Lins

Banda de Percussão Marcial Paul Harris

Fanfarra Claurinice Vieira Caldeira, de São Francisco do Sul

Banda Rítmica Elpídio Barbosa

Fanfarra Orestes Guimarães

Banda Rítmica Annes Gualberto

Publicado em 15/10/11-07:00

Matérias relacionadas